#16 Conselhos de um pai a um filho sobre o que é ser feliz

por | abr 22, 2019 | 5 Comentários

Aristóteles escreveu uma das obras mais completas sobre felicidade e a dedicou a seu filho: Ética a Nicômaco. Como seria bom se pais e mães deixassem sempre para seus filhos e filhas, um saber, um conhecimento que os ajudassem a construir um mundo melhor para si mesmos e para os outros. Este filósofo grego que viveu três séculos antes de Cristo fez isso.

Fiquei imaginando o filósofo e seu filho caminhando numa alameda. O discreto vento de outono lambendo suavemente as folhas das árvores. O diálogo fluindo, profunda e docemente. Que cena maravilhosa! Traduzo aqui, com minhas palavras e com uma pitada de imaginação, algumas falas desta conversa.

Filho, lembra-te: não existe felicidade sem prazer. Por isso entrega-te ao prazer. Mas, cuidado! Faze isso com toda razão e discernimento. Tua razão será o farol que te ajudará a discernir entre os prazeres que constroem e os que destroem. Não te entregues a todos os prazeres, pois nem todos podem te fazer feliz. Aumenta, pois, teu discernimento, afina a tua razão e te tornarás um mestre capaz de diferenciar os prazeres que te levam à verdadeira vida.

Portanto, filho, o segredo de uma vida feliz não consiste numa busca cega e inconsequente por todos os prazeres, nem tampouco no fato de renunciar a eles, mas em buscá-los e experimentá-los com o máximo de discernimento que nossa razão pode nos trazer. Então serás feliz!

5 Comentários

  1. Rosinha

    Tô aqui imaginando. ..que conselhos eu deixaria à meus filhos além de tantos outros já falados e repetidos? Boa coisa a se pensar.

    Responder
  2. Ameliana de Carvalho

    Sempre disse para meus filhos que Deus nos criou para sermos felizes e que, na vida, sempre nos deparamos com duas escolhas: a primeira, o caminho mais fácil e a segunda, o caminho que buscamos com mais esforço como estudar, trabalhar, ser honesto, ser coerente, ser dócil e amar o irmão como a si mesmo.

    Responder
  3. Maristela

    Felicidade = bem aventurança? O que confia no Senhor será bem aventurado.
    Filho, confia. E ama.

    Responder
    • Cláudia

      “A felicidade consiste em acções perfeitamente conformes à virtude, e entendemos por virtude não a virtude relativa, mas a virtude absoluta. Entendemos por virtude relativa a que diz respeito às coisas necessárias e por virtude absoluta a que tem por finalidade a beleza e a honestidade.”

      “Da mesma maneira que a criança deve viver de acordo com as ordens do seu mestre, a nossa faculdade de desejar deve conformar-se às prescrições da razão.” Aristóteles

      Responder
  4. Alexandre de Lima.

    … preciosa gota de sabedoria: transmissão de valores, de geração em geração, multiplicação de conhecimento…show!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se com seu endereço de e-mail para receber novidades e lançamentos em primeira mão!