#15 Quanto mais plenitude em nossa mente, tanto mais felicidade em nossa vida

por | abr 15, 2019 | 10 Comentários

Se está todo mundo falando dele, é porque o tema só pode ser mesmo importante. Ele tem sinal de alerta em todo lugar. Livros, vídeos no Youtube, post no Instagram… só se fala nesta tal de Mindfullness. O nome já diz tudo: mind (mente) fullness (plenitude). A busca pela atenção plena.

A palavra é moderna, o conceito e o conselho antigos. Os estoicos na Grécia já nos diziam que o único tempo real é o presente. Passado e futuro são, respectivamente, memória e expectativa. Os budistas, há mais de mil anos, vêm nos alertando que nossa mente e, por consequência, nossa atenção, tende a flutuar entre o antes e o depois, sem aterrissar no agora.

Convivo internamente com um demônio (no sentido emocional do termo) chamado futuro. Tão logo me dei conta da gravidade desta doença, venho trabalhando arduamente sobre mim mesmo para não deixar de perceber uma felicidade que está ali, bem debaixo do meu nariz. Por isso, expurguei dos meus lábios frases do tipo, o melhor está por vir. Com mais atenção plena posso cantarolar: “está bom agora, se melhorar melhorou, se não, pleno estou”.

Se estiver atento ao presente momento, se vencer o gigante da dispersão, se abandonar a ilusão de que, no amanhã, terei a realização que ainda não veio, então tenho reais chances de perceber que no aqui e no agora, não necessariamente no ali e no além, está a felicidade.

10 Comentários

  1. Fábio

    Sim, a vida e o presente. Ele pode ser horrível ou muito bom, o que fará a diferença é a consciência de que seja bom ou ruim, ele é impermanente. Quanto mais vivo conscientemente a realidade da impermanência, mas solto, mais livre e feliz vou me tornando. Só é feliz quem se desapega, tanto das coisas boas, quanto das ruins. Viver o presente conscientemente, é esse desapegar-se. Acredito que a felicidade e viver essa realidade, não acredito que esteja ligado a possuir coisas, pessoas e até mesmo saúde. As pessoas mais felizes que conheci, são as que conseguiram viver a realidade do presente.

    Responder
  2. Maria Helena

    Tão difícil viver um dia de cada vez que Jesus nos ajude a controlar a ansiedade 🙏

    Responder
    • Nancy Carvalho

      Seu texto lembrou-me o poema Da Felicidade,de Mário Quintana. “Quantas vezes a gente,em busca da ventura,procede tal e qual o avozinho infeliz: em vão, por toda parte,os óculos procura tendo-os na ponta do nariz.”

      Responder
  3. Miriam

    Que frase maravilhosa: “Esta bom agora, se melhorar, melhorou, se não, pela estou” Minha meta é viver assim. O melhor é agradecer, o que já Deus já fez hoje.

    Obrigado pelo texto.

    Responder
  4. Darcy Carvalho

    Há bastante tempo venho procurando entender e praticando mindfullness. A experiência tem sido muitíssimo proveitosa.

    Responder
    • Vandi

      Lindo! Na real: meu lema de vida! Não dou conta do passado nem do futuro! Basta a cada dia o que este nos apresenta de bom ou não. Acrescentar o que foi e o que virá fica pesado pacas!

      Responder
      • Murilo

        É o que mais tenho exercitado atualmente, mas como é difícil ver, viver e estar no presente, vou persistir, sei que conseguirei e será fácil, quero para minha vida viver o agora sempre.

        Responder
  5. Alice Carolina Barbosa Cirino

    Ótima reflexão! Fico no presente já!
    Obrigada pelo compartilhamento desse tema e por nos ajudar nessa jornada da felicidade.

    Responder
    • Simone Menezes

      Maravilhoooosa reflexão!

      Responder
    • Cláudia

      “As pessoas felizes lembram o passado com gratidão, alegram-se com o presente e encaram o futuro sem medo.” Epicuro.

      Responder

Deixe uma resposta para Nancy Carvalho Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se com seu endereço de e-mail para receber novidades e lançamentos em primeira mão!