#22 Medalhas de bronze trazem mais felicidade do que as de prata

por | jun 3, 2019 | 13 Comentários

Isso é o que revelou uma pesquisa feita com os atletas dos Jogos Olímpicos de Verão realizados em 1992, em Barcelona. Foi medida a reação imediata dos ganhadores de medalha, numa escala de 1 a 10, de êxtase e agonia. Os medalhistas de prata, apesar do êxtase da conquista, sofriam mais pela agonia de não terem a de ouro. Quem havia ganho a de bronze já estava feliz pelo simples fato de estar no pódio.

Há uma felicidade escondida no fato de não ser o primeiro nem sequer ser o segundo, ser apenas o terceiro. Simplesmente estar contado no grupo que conquistou algo já é o suficiente. Muita gente perdeu a alma em busca do primeiro lugar, da glória mais alta, do reconhecimento mais definitivo. Se perderam no caminho por terem esquecido de que menos é mais.

Por favor, não entenda essas palavras como um convite à inércia, nem mesmo à mediocridade. É antes um apelo ao contentamento. Estar contente, saborear a satisfação são sementes que, ao germinar, viram felicidade. O êxtase da nossa conquista não pode ser destruído pela agonia de não termos sido o primeiro.

Precisamos reeducar nosso olhar e focar, quem sabe, um pouco mais no terceiro lugar do pódio. Ali podemos estar, eu ou você, com lágrimas nos olhos e com peito explodindo de felicidade, pelo simples fato de ser medalha de bronze.

13 Comentários

  1. Francisco Almeida

    Ser feliz nem sempre é estar em primeiro lugar, mas saber SABOREAR E FESTEJAR UMA CONQUISTA….

    Responder
  2. Filipe

    Ser feliz é batalhar e ser grato pelo que tem. Hj minha felicidade está em ser dedicado a minha família .

    Responder
  3. MARCIO LIMA de SANTANA

    Acredito na felicidade de participar do podium, mesmo que seja o terceiro lugar, o prazer de estar junto aos melhores com certeza é muito estimulante para renovar as forças e vir mais forte.

    Responder
    • Eduardo Pedreira

      Há uma felicidade preciosa no terceiro lugar

      Responder
    • Miriam

      A conquista do terceiro lugar,coroa todo esforço feito.Uma medalha é melhor do que nenhuma…. Já vibrei vendo um competidor receber medalha de bronze em Olimpíadas.

      Responder
  4. Alexandre de Lima.

    Ual, fez muito sentido! …nas competições infantis e juvenis, tive por diversas vezes, o privilégio de vencer em primeiro lugar, aprendia dentre tantos, o que era obsessão, atualmente nas raras competições, já master(rs), saboreio o contentamento de estar, o que já é uma especial conquista. Aleluia!

    Responder
    • Eduardo Pedreira

      Alexandre nas competições eu quase nunca ganhava, talvez seja por isso que eu tenha escrito este texto rss

      Responder
  5. Davi Pereira Botelho

    Contentamento!!! Eita… que palavra mágica!!!

    Responder
    • Eduardo Pedreira

      Magic word

      Responder
  6. Edna Stutz

    Contentamento por estar lá.
    Aprender a se contentar, Já um passo dentro da felicidade .

    Responder
    • Eduardo Pedreira

      De fato Edna

      Responder
  7. Renato Souza

    Que maravilha!
    Ansiava pelo primeiro texto após o curso: A Arte de Ser Feliz.
    Fui brindado e blindado por felicidade na manhã de hoje.
    Gratidão é a dinâmica do contentamento!
    Contentamento é a clara expressão da felicidade!
    “Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação…”

    Responder
    • Eduardo Pedreira

      Isso mesmo meu caro amigo

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se com seu endereço de e-mail para receber novidades e lançamentos em primeira mão!